XI Congresso do Sismmac

Notícias

  • 10/11/2015

    Mesa de abertura do Congresso discute ataques aos nossos direitos

    Movimento sindical também foi debatido
    Mesa de abertura do Congresso discute ataques aos nossos direitos

    Nesta terça-feira, as delegadas e os delegados eleitos pelo magistério municipal de Curitiba participaram da mesa de abertura do XI Congresso do SISMMAC. O espaço teve como tema “Análise de Conjuntura e Análise do Movimento Sindical” e contou com três debatedores indicados pelas três teses inscritas.


    A mesa abordou os principais ataques que as trabalhadoras e trabalhadores têm sofrido no último período pelos patrões e governos com o intuito de empurrar a conta da crise criada por eles próprios para a nossa classe. O PL 4330, que libera as terceirizações para todas as atividades, e o Programa de Proteção ao Emprego (PPE), que diminui os salários dos trabalhadores e não garante que não haja demissão, foram alguns dos exemplos tratados.


    Além disso, a lei Antiterrorismo, que criminaliza os movimentos sociais, e a proposta de redução da maioridade penal, que busca encarcerar os filhos da classe trabalhadora, são outros ataques do Congresso Nacional às trabalhadoras e trabalhadores do país.


    Sobre a conjuntura do movimento sindical brasileiro, foram debatidas a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e as possíveis alternativas para a reorganização do movimento sindical, como a Intersindical. As professoras e professores que se inscreveram no debate reforçaram a importância do magistério se envolver nas lutas mais gerais da classe trabalhadora e contribuir com outras categorias.


    Agora à tarde começa a mesa que vai debater o programa de trabalho para o SISMMAC para os próximos anos. Participe!